Stand

From JoJo's Bizarre Encyclopedia - JoJo Wiki
Jump to navigation Jump to search

Para uma lista completa de todos os Stands, veja a Lista de Stands. Para Stands cujo nome permanece desconhecido, veja a Lista de Stands Não-Nomeados.
De fato, Jotaro, o que você chama de "espirito maligno" é uma visão poderosa criada por sua própria energia vital! E como ela permanece ao seu lado, chamamos ela de... Stand!
—Joseph Joestar, Jotaro Kujo, Part 3


Um Stand (スタンド Sutando) é a manifestação física da "energia vital" (生命エネルギー Seimei enerugī) de seu usuário.[1] É um poder único à JoJo's Bizarre Adventure.

Um Stand é uma entidade psiquicamente gerada pelo possessor, referido como um Usuário de Stand (スタンド使い Sutando Tsukai).[2] Um Stand geralmente se apresenta como uma figura etérea flutuando sobre ou perto de seu usuário e possui habilidades além das de um humano normal, o que, dependendo do Usuário de Stand, pode ser usada para o bem ou para o mal.

Definição

Stands são definidos como as personificações da energia vital cujas habilidades são dadas formas visuais. Quando primeiramente apresentados, o termo é escrito como "Stand" (幽波紋(スタンド) Sutando),[3] com furigana para mudar a pronunciação do que literalmente significa "Onda Fantasma" (幽波紋 Yūhamon) em kanji. De acordo com Joseph Joestar, o nome "Stand" (lit. Em pé) vem do fato da maioria dos Stands manifestarem-se de pé e próximos ao Usuário: prontos para agirem quando comandados.

Stands são tipicamente usados em batalha

Um Stand pode também representar a manifestação do espirito de luta nato de um individuo e incorpora, até certo ponto, a psique do individuo. Entretanto, Stands podem também se derivarem através da exploração de possibilidades e a expressão da mente, que nesse caso, apenas uma grande quantidade de força mental é necessária. Além dessa definição, Stands se apresentam em uma grande variedade de formas e com comportamentos diferentes, caso forem inteligentes. Eles seguem um conjunto de regras que podem ser quebradas as vezes, com nenhuma definição padrão pela qual alguém pode classificá-los. Como uma incorporação da psique de uma pessoa, Stands são tão variadas quanto mentes humanas podem ser.

Devido à sua diversidade, Stands não são feitos iguais. Alguns podem ser incrivelmente poderosos devido à força mental do usuário, outros podem ser altamente situacionais por causa de uma peculiaridade definidora do caráter, ou até prejudiciais ao usuário caso não possuírem o espirito de batalha necessário.

Star Platinum, a carta da "Estrela"

Quando inicialmente introduzidos em Stardust Crusaders, eles foram nomeados em referência aos Arcanos maiores do Tarô e depois em referência aos Deuses egípcios antigos, com seu design muitas vezes possuindo alguma referência à essas cartas ou figuras mitológicas. Perto do final de Stardust Crusaders e em todos arcos subsequentes, nomes de Stands são referências à músicos, bandas, álbuns, e músicas de cenas internacionais de fora do Japão; apenas um Stand foi nomeado em referência à uma música japonesa.[4]

Stands também são conectadas à um vírus alienígena contido na pedra de um meteorito que caiu em Cabo York, na Groenlândia. É explicado que o vírus pode afetar pessoas e pela maior parte os mata, com os poucos que sobrevivem sendo lhes-dado habilidades de Stand.[5]

O Usuário e seu Stand

O Stand é criado do psique de um individuo, que inclui não só humanos como também outras criaturas vivas. Esse individuo é referido como um usuário de Stand. Esse usuário então dá um nome ao seu Stand e o usa para o que desejar.

Um Stand e o seu Usuário normalmente compartilham seus ferimentos

A menos um Stand seja automático ou vinculado à um objeto específico, eles são normalmente presos ao corpo do usuário. Nesse caso, qualquer dano feito ao Stand gera uma ferida equivalente no corpo do usuário e vice-versa. Exceções à essa regra incluem Stands automáticos, Stands vinculados, e habilidades especiais como a armadura de Silver Chariot normalmente não refletem dano ao usuário.

Exceto por ocasiões raras, quando um usuário de Stand morre, seu Stand desaparece junto à ele. Se um Stand sofre tanto dano que causa sua destruição, o usuário morre junto. Entretanto, um usuário pode sobreviver com seu Stand destruído[6] se um Stand é automático ou dependendo do nível dos ferimentos do usuário. Ao contrário, alguns Stands podem sobreviver sem seus usuários através de habilidades excepcionais como o Notorious B.I.G..

Como um Stand é a forma do psique do usuário, eles compartilham uma ligação psíquica intima. Primeiro de tudo, Stands normalmente obedecem os comandos de seus usuários sem hesitação. Se um usuário manda, o Stand vai fazer qualquer tarefa dentro de sua capacidade, o que inclui atacar alguém, defender o usuário, ou qualquer outra ordem. No caso de um Stand ser inteligente, eles podem ocasionalmente aconselhar seu usuário que uma ordem insensata mas continuará a mesma coisa. Stands também demonstram serem capazes de proteger seus usuários em certas ocasiões, como quando o Jotaro tenta atirar em si mesmo,[7] ou quando Weather Report tenta cometer suicídio.[8]

Holy adoecida por causa de seu Stand

Entretanto, há vezes em que um Stand não pode ser controlado por seu usuário. Ele pode sr automático como o Super Fly ou o usuário pode adquirir um Stand e não ter o espirito de batalha necessário para controlá-lo como Holy Kujo.[9] Em ambos casos, um Stand pode acidentalmente agir contra os interesses de seu usuário através do seu poder não-supervisionado. Entretanto, especificamente no segundo caso, um Stand pode sair do controle e lentamente matar seu usuário como uma doença. De acordo com Muhammad Avdol, o usuário adoece, e então cai em um coma e nunca mais corda; além disso, tais ocorrências são comuns o suficiente para ele alegar ter visto muitas pessoas morrerem disso.[9]

Uma das regras definitivas sobre Stands é que uma pessoa só pode ter um Stand (por vez). Enquanto Stands podem tomar formas diferentes, ou ser divididos em várias entidades, ninguém é capaz de convocar mais de um Stand por vez. Apesar de circunstâncias excepcionais podem levar à alguém ter vários Stands, apenas um vai ser o Stand verdadeiro do usuário. Um Stand geralmente é preso ao usuário, mas as vezes é capaz de trocar de usuário. Por exemplo, ele pode ser roubado de seu usuário original, caso a habilidade de Stand envolve mudar de Usuário. Graças aos discos do Whitesnake, um Stand é capaz de mudar de usuário mas vai proteger somente seu novo usuário. Outros Stands, como Anubis ou Cheap Trick, vão ativamente trocar de usuário, e sua natureza malevolente os faz quererem machucar seus usuários em vez de protegê-los.

Ocasionalmente, um Stand emite um Grito de Stand, gritando repetidamente durante um espancamento.

Manipulando um Stand

Quando um usuário adquire seu Stand, seu controle sobre ele é parcialmente instintivo porem requer prática.

Quando um usuário descobre seu Stand, eles normalmente não sabem nada sobre ele e então tem que descobrir qual seu poder é. As vezes a habilidade é simples e fácil de entender como o Echoes de Koichi Hirose, as vezes a sapiência do Stand pode explicar o poder diretamente para o usuário como foi o caso com Spice Girl e Trish Una,[10] mas as vezes o usuário precisaria de tempo para entender o poder de seu Stand. Por exemplo, ambos DIO e Jotaro possuíam Stands por algum tempo até descobrirem que podiam parar o tempo.[11]

DIO descobre seu poder de parar o tempo

Depois disso, fica nas mãos do usuário descobrir o que o seu Stand é realmente capaz de fazer com sua habilidade. Um usuário de Stand precisará de prática para desenvolver o potencial de seu Stand e manipulá-lo de forma mais precisa. Sutilezas escondidas e aplicações do poder do Stand podem requerer tempo para o usuário perceber. Giorno Giovanna, por exemplo, teve de usar o Gold Experience em Bruno Bucciarati para descobrir o que sua habilidade de criar vida seria capaz de fazer em humanos,[12] e similarmente teve que descobrir que suas habilidades poderiam reparar ferimentos.[13]

Para usar um Stand, o usuário deve convocá-lo conscientemente. E usar seu poder da mesma forma, o usuário tem que comandar seu Stand. Então, usuários de Stand ainda são vulneráveis à ataques sorrateiros. Isso não se aplica à Stands automáticos que agem sozinhos.

Adquirindo um Stand

Uma Flecha mística pode gerar poderes de Stand

Na maioria dos casos, usuários de Stand são nascidos com a habilidade de usar seu Stand ou com o potencial de despertar um mais tarde em suas vidas. Sem esse potencial, uma pessoa não pode conquistar um Stand através de meios naturais. Para aqueles nascidos com a disposição, o gatilho para desbloquear um Stand vária mas geralmente é derivado de um refinamento de seus talentos ou habilidades durante sua vida. Por causa disso, o despertar de um Stand e suas habilidades estão muitas vezes relacionados a profissão do usuário.[14] Usuários notórios que adquiriram um Stand através de meios naturais incluem Noriaki Kakyoin, Muhammad Avdol, Tonio Trussardi, e Kenzou. O jeito mais difundido de adquirir um Stand é ser perfurado por uma Flecha especial feita de um meteorito que caiu do espaço. Se uma pessoa tem o potencial, se eles sobreviverem a punhalada eles adquirirão um Stand. Caso contrário, a pessoa morrerá. Pessoas notórias que desbloquearam seu Stand dessa forma incluem DIO, Koichi Hirose, Diavolo, Enrico Pucci, e Jolyne Cujoh. Entretanto, se uma pessoa perfurada pela Flecha não tem o potencial, e então é curada logo após, eles ainda vão adquirir um Stand.

Stands are also noted to awaken through the mere presence of powerful Stand User in the general area,[15] however the most widespread way to trigger one immediately is to be pierced by a special Arrow made from a meteor from outer space. If a person has the potential, they will survive being stabbed and acquire a Stand. Otherwise, the person will die. Notable people who unlock their Stand this way include DIO, Koichi Hirose, Diavolo, Enrico Pucci, and Jolyne Cujoh.

Além disso, se alguém adquirir um Stand dessa forma, seus descendentes existentes também vão ganhar um Stand, embora ele possa não se manifestar inicialmente ou ser incontrolável. Em um caso, o corpo de Jonathan Joestar foi perfurado pela Flecha, fazendo com que todos membros vivos da Família Joestar despertassem seus próprios Stands. O jeito que parentes adquirem Stands é retratado inconsistentemente: Enquanto Koichi Hirose despertou um Stand, sua irmã Ayana Hirose não despertou; entretanto, os gêmeos Enrico e Weather ambos despertaram um Stand quando Pucci foi perfurado. Se uma pessoa sem filhos adquire um Stand, seus filhos futuros vão no mínimo ter a capacidade de desenvolver um Stand

Na nova continuidade de Steel Ball Run e JoJolion, as Flechas não existem. O jeito do qual a maioria de usuários conhecidos de Stand adquiriram seus Stands é desconhecido. Entretanto, um método confirmado de adquirir um Stand é sobreviver passar por um lugar chamado de Palma do Diabo, um terreno móvel contendo o Cadáver Santo, que são capazes de abençoar alguém e garanti-lo um Stand.

Conexões Espirituais

Usuários de Stand compartilham várias conexões espirituais um com o outro, que se manifestam como muitos fenômenos sobrenaturais.

Primeiramente, usuários de Stand atraem outros usuários. Comparado ao "fio vermelho do destino" ou "gravidade" por personagens diferentes, essa conexão garante que usuários de Stand vão eventualmente se encontrar, especialmente se eles morarem na mesma área geral. Essa regra foi mais prevalente em Diamond is Unbreakable e Vento Aureo, nas quais muitos encontros predestinados, como Koichi Hirose imediatamente encontrando Giorno Giovanna quando encarregado de encontrá-lo,[16] tem esse fenômeno como sua explicação.

Segundamente, caso os usuários de Stand tenham parentesco, eles irão compartilhar um laço psíquico forte. Isso é proeminentemente exibido como uma habilidade de sentir a presença de parentes com Stand. Mesmo sem ter conhecido um ao outro em pessoa, pessoas com essa ligação serão capazes de dizer aproximadamente o quão longe eles estão de um ao outro, embora eles não sejam capazes de diferenciar a direção da qual a sensação vêm. Eles também podem dizer se seus parentes estão vivos ou mortos independente da distância.[17][18] Essas nuances foram, por exemplo, usadas na batalha contra DIO, quando Joseph Joestar recuando "escondeu" a presença de Jotaro Kujo vindo por trás de DIO,[19] e também foi a razão principal pela qual o Chefe da Passione considerou matar sua filha Trish Una para manter seu anonimato completo.[20]

Se os laços familiares entre os usuários de Stand são especialmente fortes, tais como o laço entre gêmeos ou um pai e seu filho, as pessoas em questão irão às vezes compartilhar ferimentos ou até mudanças sobrenaturais aos seus corpos.[21] Isso foi visto com Enya Geil manifestando os cortes de seu filho após sua morte,[22] e Jotaro subconscientemente enviou uma mensagem para Jolyne Cujoh através do Star Platinum cravando o nome dela em sua pele.[23]

Na nova continuidade a apenas uma regra de atração entre usuários de Stand foi mencionada até agora.[24]

História dos Stands

Os "Stands" em JoJo podem ser conceitualizados como uma retificação de um talento escondido, com sua fonte sendo um tipo de energia que está na Terra desde os tempos antigos.[25] O caso mais antigo de um usuário de Stand data ao século XVI com a morte de Caravan Serai e a emancipação de seu Stand, Anubis.

O criador das Flechas

Aproximadamente 50,000 anos atrás, um meteorito caiu na Terra perto de uma região pouco povoada do Cabo York, na Groenlândia. Várias centenas de anos após a descoberta do vírus, um homem que desejou obter o poder dos deuses tomou as pedras e moldou-as em um conjunto de Flechas cujo destino é incerto.

Em 1978, uma equipe de escavação mineral descobriu um metorito e desenterraram um vírus desconhecido de dentro das pedras e determinaram que ele havia estado dormente dentro do meteorito. Apesar de pesquisas extensivas, médicos do governo não foram capazes de determinar o propósito do vírus fora a destruição de vida. Parecido com a teoria da evolução, foi descoberto que certas pessoas possuíam uma qualidade que os permitiria sobreviver quando expostos ao vírus, recompensando-os com novas habilidades quando sobrevivessem.[26]

As Flechas ressurgiram em 1986 quando uma investigação de ruínas egípcias descobriram seis delas debaixo de um deserto egípcio. As Flechas foram eventualmente roubadas pelo Diavolo, que vendeu cinco delas para a Velha Enya. As Flechas permitiam que seu possuidor desbloqueasse habilidades de Stand naqueles que tinham o potencial necessário, essencialmente agindo como um gatilho. As seis Flechas foram eventualmente distribuídos a várias pessoas, dentre elas Keicho Nijimura, Yoshihiro Kira, Jean Pierre Polnareff, e a Fundação Speedwagon.[27]

Segunda Continuidade

Em partes posteriores, os Stands são reintroduzidos mas com origens desconhecidas. Em Steel Ball Run, Stands foram descritas como sendo garantidas pela Palma do Diabo e o Cadáver Santo que garantiu poderes para aqueles que conseguiam procurá-los e sobreviver sua presença. Entretanto, um número de usuários de Stand adquiriram seus poderes sem nem botar seus pés nos Estados Unidos ou encontrar o Cadáver, mais notavelmente os personagens de JoJolion.

Aparência

Gráfico e Classificação
Artigo principal: Tipos de Formas de Stand

Os Stands se apresentam em uma variedade de formas. Alguns adotam formas humanoides, outros, a aparência de um objeto ou ferramenta. Esses Stands todos compartilham a inabilidade de serem vistos por humanos ordinários, a menos que presos à objetos físicos. Ademais, alguns Stands podem ser simplesmente desprovidos de aparência, simplesmente se manifestando como um poder especial.

Stands podem ser divididos em 5 tendências baseadas em sua aparência. A maioria dos Stands possuem uma ou duas características de outras categórias.[28]

Classification Summary
Humanoide Natural Stands nessa categoria possuem aspectos físicos similares aos de seres humanos, mais normalmente com os de seu usuário. Características facilmente identificáveis incluem braços e pernas, mas essa categoria distintamente específica apêndices que são reminiscentes do sistema musculatório humano assim como ter olhos e bocas funcionais. Stands nessa categoria incluem Star Platinum, Magician's Red, Hanged Man, The World, Crazy Diamond, Heaven's Door, Killer Queen, Gold Experience, Sticky Fingers, Purple Haze, Baby Face, Spice Girl, and Chariot Requiem.
Humanoide Artificial Enquanto também tendo corpos humanoides, Stands nessa categoria possuem características mecânicas ou artificiais que os separam dos humanoides naturais. Isso inclui ter características faciais completamente não-humanoides ou articulações mecânicas. Aparências que parecem robôs, ciborgues ou androides são aplicavéis aqui. Stands nessa categoria incluem Hierophant Green, Silver Chariot, Ebony Devil, Death Thirteen, Osiris, Cream, The Hand, Bad Company, Cinderella, Echoes, Black Sabbath, Moody Blues, White Album, e Green Day.
Não-Humanoide Natural Essa categoria apresenta Stands que, enquanto sem semelhanças a humanos, são reminiscentes de outros tipos de vida ou objetos da natureza. Isso inclui organismos básicos como animais e plantas, mas também conceitos mais não ortodoxos como névoa. Stands que podem ser descritos como "monstruosos" são muitas vezes aplicavéis aqui. Stands nessa categoria incluem Hermit Purple, Tower of Gray, Yellow Temperance, Lovers, Justice, Sun, Horus, Stray Cat, Sex Pistols, The Grateful Dead, Notorious B.I.G, Metallica, e Rolling Stones.
Não-Humanoide Artificial Stands comparáveis a instrumentos ou objetos mecânicos são encontrados nessa categoria. Isso inclui veículos, armas, e máquinas. Stands nessa categoria incluem Strength, Emperor, Wheel of Fortune, The Fool, Ratt, Aerosmith, and Beach Boy.
Fenômeno Stands nessa categoria tipicamente não possuem aparências claras ou integradas com a aparência de seus usuários. Essas Stands incluem Tohth, Khnum, Tenore Sax, Love Deluxe, Achtung Baby, e Atom Heart Father.
Stands mudam conforme a idade de seu usuário

A aparência de um Stand não é permanente. Stands mudam de aparência enquanto seus usuários envelhecem. Como visto com o Silver Chariot de Jean Pierre Polnareff[29] ou o Speed King de Jobin Higashikata,[30] usuários de Stand jovens tipicamente possuem Stands com aparências infantis e quando se tornam adultos, as características de seus Stands também ficam mais adultas. Uma categoria especial de Stands pode evoluir em diferentes formas ou ATOs, que também são capazes de mudar de forma e aparência. Finalmente, um Stand perfurado pelo Arco e Flecha pode evoluir para uma nova forma chamada de Stand Réquiem.

Quando um Stand é ferido, eles podem sangrar como um ser orgânico, se esmigalhar em cinzas, chiar em clarões de luz, ou se quebrar em pedaços pequenos como uma estátua.


Comportamento

Alguns Stands demonstram emoções, mas a maioria não

A maioria dos Stands não demonstra personalidade, as vezes porque eles não tem formas por quais se expressar, mas a maioria de Stands humanoides simplesmente flutuam na frente do usuário aguardando um comando. Alguns Stands demonstram pedaços de personalidade através de expressões faciais, mas é desconhecido se as emoções vem do Stand ou simplesmente refletem o estado mental do usuário.

Por razões desconhecidas, um punhado de Stands possuem consciências separadas de seus usuários. Eles são sapientes e podem conversar com seus usuários sempre que convocados. Embora eles demonstrem uma variedade de personalidades, a maioria ainda obedece seu usuário completamente. Exemplos de tais Stands incluem Echoes, Spice Girl, e Whitesnake. Raramente, esses Stands são incontroláveis e não possuem um verdadeiro mestre, e em vez disso, trocam de hospedeiro e ativamente procuram prejudicar seu "usuário" com seus poderes. Anubis e Cheap Trick são exemplos de tais Stands.

Sempre que um Stand fala, sua natureza de outro mundo é indicada no material do mangá original com um texto escrito em katakana. Na maioria dos casos de mídia audiovisual como o anime ou um video game, a voz do Stand possui um eco fantasmagórico ou um tom mecânico.

Habilidades

Artigo principal: Tipos de Stand

Cada Stand possui propriedades sobrenaturais assim como um poder único e especial, indiretamente garantindo habilidades sobre-humanas ao seu usuário:

Stand podem agir sem serem vistos pela maioria das pessoas
  • Em geral, um Stand é invisível apenas para humanos normais, mas pode interagir com objetos normais. Ele permite o usuário usar seu Stand despercebido por uma grande maioria da população. O uso mundano de um Stand já foi comparado ao fenômeno de fantasmas por pessoas normais. Até o poder de um Stand é invisível para humanos ordinários; por exemplo pessoas normais não conseguem ver as chamas do Magician's Red mas conseguem sentir seu calor.[31]
  • Stands são etéreos e, como resultado, possuem intangibilidade. É incomum mas não impossível para usuários de Stand canalizarem seus Stands dentro de seus corpos para protegerem-se, usando a durabilidade sobre-humana de seu Stand para sua vantagem, É ainda mais incomum para Stands também atravessarem objetos, mas a possibilidade existe.
  • Apenas Stands podem ferir Stands
    Um Stand é invulnerável a qualquer prejuízo exceto contra outro Stand ou se o usuário de Stand é ferido.
  • Como projeções psíquicas, usuários também conseguem se comunicar através de seus Stands. Tendo algumas exceções raras, um usuário de Stand tipicamente compartilha sua consciência com seu Stand e é capaz de ver através de seus olhos. Além disso, um usuário de Stand também é capaz de falar através de seu Stand, permitindo uma forma de comunicação à distância. Entretanto, So Stand precisa ter uma boca ou caso contrário ter a capacidade para fala para fazer tal coisa. Exemplos notaveis incluem Star Platinum, Death Thirteen, Highway Star e King Crimson.
  • Usuários possuem a habilidade de encolher até um nível microscópico, mas a única fez que foi mostrado, Polnareff indicou que era difícil manipular o Stand em um nível tão sublime e que exigia bastante de seu usuário para mantê-lo nesse tamanho pequeno, fazendo disso uma propriedade não muito prática para a maioria de casos.

Poder

Todo Stand possui um poder único e esotérico que o define e o separa de outros Stands.

Um Stand espadachim e um Stand de fogo

O poder de um Stand pode variar muito entre outros Stands. A natureza do poder pode ir de algo relativamente mundano como usar uma espada ou controlar chamas até poderes extremamente poderosos como manipular o fluxo do tempo. Esse poderes possuem sublimidades diferentes, tais como alcance limitado ou um jeito especial de se manifestar, que pode ser aproveitado durante uma luta. Por exemplo, Sticky Fingers pode criar zíperes em qualquer superfície, mas é necessário atingir o objeto com sua mão para criá-los. É opcional ao usuário aprender como se proteger ou usar a fraqueza de seu inimigo para sua vantagem.

O usuário as vezes é imune, ou protegido à certo grau contra o poder de seu Stand. Por exemplo, Prosciutto pode ficar jovem apesar de seu The Grateful Dead envelhecer todos envolta dele. Entretanto, o contrário é tão difundido quanto, os usuários de Stand como Pannacotta Fugo com o vírus de Purple Haze, e Muhammad Avdol com as chamas de Magician's Red são ditos serem vulneráveis às suas habilidades.

Em casos raros, Stands podem ter as mesmas habilidades. Normalmente parentes como os irmãos D'Arby ou os dois ratos podem ter quase os mesmos poderes.

Tendo raras exceções, se um Stand é destruído ou o usuário se encontra inconsciente, o poder do Stand imediatamente desaparece e qualquer modificação ao ambiente feita pelo seu poder é revertido.

Cada Stand é único, mas alguns compartilham características suficientes que eles podem ser agrupados sobre tipos de Stand específicos. Vários Stands especiais podem aparecer na história de tempo em tempo devido a circunstâncias excepcionais.

Alcance

Grandes poderes podem ser equilibrados com um curto alcance

Um dos aspectos mais importantes de um Stand é o seu alcance. Stands em princípio apenas podem ser usados dentro de um alcance predeterminado centrado envolta do dono do Stand. Por causa disso, por causa da conveniência, o alcance em que um Stand pode usar suas habilidades é referido como um "Distância de Alcance" (射程距離). O alcance e precisão são inversamente proporcionais; o mais longe que o Stand move de seu alcance, o mais fraco e menos sútil ele fica. Esse princípio é aplicado a quase todos Stands. Ademais, isso pode ser interpretado mais especificamente como a "distância do alcance efetivo", como um Stand vai apenas perder sua efetividade gradualmente o mais longe que ele se afastar do seu alcance, em vez de apenas se desaparecer imediatamente.[28] O alcance do Stand é efetivamente apenas o alcance onde ele é capaz de otimamente funcionar, embora isso pode notavelmente variar dependendo do estado emocional do usuário.[32]

De um ponto de vista geral, todos Stands podem ser aproximadamente divididos em dois tipos: "Curto-alcance", e "longo-alcance". Como uma tendência, tipos de curto-alcance demonstram grande poder, muitos se sobressaem em golpes diretos ou destruição (Silver Chariot, Crazy Diamond, Sticky Fingers, etc.), e são muitas vezes referidos como "Tipo de Poder". Tipos de "long-alcance" tipicamente possuem uma habilidade especial que pode deixá-los indiretamente atacar. (Hierophant Green, Echoes ATO 1, Beach Boy, etc.)

Alguns tipos de longa-distância são referidos como "Automáticos", no qual o princípio de "poder vs distância do usuário" não se aplica. Isso é exatamente o que é tocado no terceiro teorema de Stands, no qual tipos automáticos são tipicamente uma extensão de um "efeito" que resultam no Stand sendo engatilhado. Por causa disso, esses Stands são independentes da vontade e força mental do usuário, e o poder não é enfraquecido como resultado. Ademais, certas habilidades de Stand não possuem alcances específicos (Earth Wind and Fire), um exemplo sendo poderes baseados em tempo, como o The World ou o King Crimson.[28]

Parâmetros de Stand

Veja também Parâmetros de Stand
Exemplo de parâmetros de Stand do (Star Platinum) em JOJOVELLER

Parâmetros de Stand (スタンドパラメータ Sutando Paramēta), ou Estatísticas de Stand são seis estatísticas usadas fora da história para medir as capacidades de um Stand. Alguns parâmetros referem-se a habilidade específica do Stand, como no caso de Moody Blues e Whitesnake. Eles são em ordem (sentido horário do canto superior): Poder Destrutivo, Velocidade, Alcance, Persistência, Precisão, e Potencial de Desenvolvimento.

  • Poder Destrutivo (破壊力 Hakairyoku):

Mede a força do Stand e a habilidade de causar destruição (dano físico ou dano colateral através do ambiente) em dado período de tempo. Stands de Curto-Alcance como Star Platinum, The World, Crazy Diamond, Killer Queen, Gold Experience e Stone Free tipicamente possuem um alto poder destrutivo (Nota C ou mais). Há vários casos como o C-Moon, em que o poder destrutivo é baixo ou não aplicável, apesar de ter habilidades destrutivas razoáveis.

  • Velocidade (スピード Supīdo):

Mede a agilidade e os reflexos do Stand assim como a velocidade da sua perfomance. Isso é tipicamente avaliado razoavelmente alto para Stands de curto-alcance. Algumas vezes ele pode ser reforçado através de treinamento, como com Stands como Silver Chariot.

  • Alcance (射程距離 Shatei Kyori):

Mede o comprometimento do alcance de manifestação do Stand, alcance da influência da habilidade, e mobilidade espacial. Na maioria de casos ele é inversamente proporcional ao poder destrutivo. Entretanto, há casos onde ambo poder e alcance são excelentes, como com o Red Hot Chili Pepper e o Weather Report. Adicionalmente, o alcance de um Stand pode diminuir devido à sua evolução, como com Echoes e Made in Heaven.

  • Persistência do Poder (持続力 Jizoku-ryoku):

Mede a duração do tempo em que o Stand pode ativamente manter sua habilidade. Ele também pode ser usado no sentido do tempo que leva até uma habilidade especial ser ativada novamente, como com a habilidade de parar o tempo do Star Platinum: The World.

  • Precisão (精密動作性 Seimitsu Dōsa-sei):

Mede a precisão do Stand e o alcance de influência/efeito de suas habilidades em alvos específicos. Stands de tipo automático são geralmente avaliados com a nota D ou abaixo com algumas exceções.

  • Potencial de Desenvolvimento (成長性 Seichō-sei):

Mede as possíveis funções do Stand, utilizações de suas habilidades e poderes, e a capacidade de melhorar suas capacidades em geral. Essa classificação diminui quanto mais o usuário domina seu Stand. Por exemplo, o Star Platinum de Jotaro Kujo possuía um A em Potencial de Desenvolvimento durante Stardust Crusaders, e mais tarde um C durante Stone Ocean, como Jotaro teve muitos anos para aperfeiçoar o poder do Star Platinum. Entretanto, a nota C implica que todas as possíveis habilidades e funções do Star Platinum ainda não foram descobertas. Para um Stand ganhar uma nota E, significa que seu usuário descobriu todas suas habilidades possíveis ou o Stand veio com poucas habilidades e então não é capaz de ser usado em outras formas além das que já foram usadas. Stands como Green Day e Notorious B.I.G, com habilidades de crescimento infinitas, serão classificadas muito alto nesse parâmetro

Cada estatística é avaliada de A até E; apesar de notas nulas e infinitas são possíveis. Se uma nota é desconhecida, ele vai estar marcado com um ponto de interrogação (?); isso é normalmente porque o Stand ou suas capacidades completas ainda não foram reveladas na história. Notas são definidas como:

A: Muito Bom (超スゴイ Chō Sugoi)
B: Bom (スゴイ Sugoi)
C: Médio (人間と同じ Ningen to Onaji, lit. "Comparável à um Humano")
D: Ruim (ニガテ Nigate)
E: Muito Ruim (超ニガテ Chō Nigate)

Eles foram vistos pela primeira vez no livro de arte JOJO A-GO!GO!, e mais tarde no cânon de Vento Aureo pra frente como Stands são mostrados com seus parâmetros junto de seu nome e descrição de habilidade. Steel Ball Run eJoJolion não exibem parâmetros, mas Stands introduzidos nesses arcos os receberam em livros de arte.

Galeria

No anime de JoJo's Bizarre Adventure: Stardust Crusaders para frente, parâmetros de Stand aparecem como ilustrações Eyecatch exibidas após comerciais. Em JoJo's Bizarre Adventure: Diamond is Unbreakable, uma silhueeta do usuário do Stand é exibida também. Em JoJo's Bizarre Adventure: Golden Wind, os eyecatches são estilizados com uma moeda dourada girando que então fazem uma transição para o Stand e sua informação.

Parâmetros de Stand são usados em programas de web radio como o ORAORAdio e o Morioh RADIO 4 GREAT para avaliar os anfitriões e os convidados.

Concepção

Araki havia criado a ideia de Stands seguindo a necessidade de ilustrar as habilidades de seu personagem e tirou inspiração de várias fontes. Como os Vampiros e então o Hamon que era usado para lutar contra eles, se tornou menos relevante, havia uma necessidade de inovar os personagens da série que lutariam uns com os outros. Araki Menciona várias linhas de pensamento que eventualmente levariam a criação de Stands.

Várias vezes, Araki menciona que ele foi influenciado pelo espiritualismo, o culto de ancestrais do xintoísmo dando-o a ideia de um ser sobrenatural protegendo alguém.[33][34] Ademais, lendas de Yōkai e folclore se tornariam uma de suas maiores inspirações para a aparência de Stands.[35] Araki também diz que o conceito de Stands foi inspirado pelo 'espirito guardião' do manga Ushiro no Hyakutarō de Jiro Tsunoda.[36]

Alternativamente, começando pela ideia de poderes psíquicos, Araki menciona que seu ceticismo sobre poderes psíquicos o inspirou a desenhar uma entidade psíquica convocada pelos personagens. Sua interrogação sobre como poderes psíquicos poderiam afetar o mundo físico sem qualquer meio o inspirou a ilustrar os poderes psíquicos através de Stands, dos quais poderiam fazer o leitor visualizar o jeito que os personagens afetam o mundo com suas mentes.[35] Araki menciona ter pensado em um punho saindo de seu corpo para socar e quebrar um objeto, e pensou que qualquer coisa poderia ser desenhada, dando-o bastante liberdade artística.[37]

Curiosidades

  • O Araki explica que habilidades de Stand são muitas vezes o primeiro elemento que ele pensa quando criando um personagem, e que ele desenvolve a personalidade e aparência baseada na harmônia do dito poder do Stand.[35][38]
  • Começando da Parte 3 até a Parte 6, o nome de cada Stand também é usado pelo protagonista principal quando se referindo à seus sub-títulos representativos (e.g. Star Platinum, Stand de Jotaro Kujo de Stardust Crusaders).
  • Enquanto no universo original Stand era escrito como 幽波紋, em Steel Ball Run, 立ち向かうもの foi brevemente usado pelo Mountain Tim, que literalmente significa a coisa que confronta.
  • Atualmente, os Stands que não possuem uma versão do anime de seus parâmetros são Tenore Sax, Love Deluxe, Echoes (ACT 2), Achtung Baby, Ratt, e Boy II Man.

Referências

  1. JOJOVELLER: STANDS | Definição de um Stand, p.316
  2. Chapter 139, Yellow Temperance Part 4
  3. Chapter 116: Jotaro Kujo (3), pg. 7
  4. JOJOVELLER: STANDS - Comentários por Hirohiko Araki
  5. Chapter 552: Pronto! On the Line, Part 2
  6. Chapter 126, Silver Chariot Part 3
  7. Chapter 114, Jotaro Kujo Part 1
  8. SO Chapter 129, Heavy Weather Part 5
  9. 9.0 9.1 Chapter 121, The Power called a "Stand"
  10. Chapter 538, Notorious B.I.G. Part 6
  11. Chapter 257, DIO's World, Part 11
  12. Chapter 445, Bucciarati's Coming Part 3
  13. Chapter 504, Baby Face Part 5
  14. JOJOVELLER: STANDS | Técnicas para Stands, p.319
  15. Weekly Shonen Jump, #13, 1997 - Chapter 496: The Grateful Dead, Part 9
  16. Chapter 440, Gold Experience, Part 1
  17. Chapter 540, Spice Girl, Part 2
  18. SO Chapter 20, Prisoner of Love
  19. Chapter 250, DIO's World, Part 4
  20. Chapter 520, The Mystery of King Crimson, Part 3
  21. SO Chapter 103, Three Men in the Hospital
  22. Chapter 147, Empress, Part 2
  23. SO Chapter 75, Father: Jotaro Kujo, Daughter: Jolyne Cujoh
  24. JJL Chapter 51, Vitamin C and Killer Queen, Part 2
  25. Hirohiko Araki, 2006
  26. Chapter 552: Pronto! On the Line (2) p.13
  27. Chapter 569: A Brief Flashback p.13
  28. 28.0 28.1 28.2 JOJO A-GO!GO!: STANDS - Standlogy, pp. 84, 103-105, 118-120
  29. Chapter 206, "God Sethan" Alessi Part 2
  30. JJL Chapter 64, The Plant Appraiser Part 1
  31. Chapter 115, Jotaro Kujo Part 2
  32. Crazy Diamond - Vol.12 "Shueisha Jump Remix Diamond is Unbreakable Edition" P94 What is the STAND?
  33. Interview Archive, Animeland (06/01/2003)
  34. Interview Archive, French Reportage 09/20/06
  35. 35.0 35.1 35.2 Interview Archive, JOJO 6251
  36. Weekly Shonen Brackets 100Q (04/05/2003)
  37. Interview Archive, JOJO PS2
  38. Manga in Theory and Practice; Capítulo 3: Criando Personagens; Habilidades Especiais e Movimentos Finais, a origem dos Stands.

Navegação do Site

Other languages: