Diavolo ★ História

From JoJo's Bizarre Encyclopedia - JoJo Wiki
Jump to navigation Jump to search

Um resumo cronológico detalhado da vida de Diavolo.

Passado

Diavolo como um bebê

Enquanto a maioria do passado de Diavolo é vago, alguns fatos são esclarecidos: nascido em uma prisão feminina durante 1967, sua mãe alegou que ela estava grávida por dois anos e que não havia homem, tanto dentro da cadeia quanto fora, que poderia ter sido o pai da criança. Por ela ainda ter tempo em sua sentença, Diavolo foi mandado de volta para a Sardenha para morar com um padre na terra natal de sua mãe. De acordo com vizinhos e amigos, Diavolo era franco, porém tímido e não muito esperto; ele também desejava se tornar um marinheiro em vez de um padre como seu pai adotivo queria. Jean Pierre Polnareff alega que ele muito provavelmente foi abusado como uma criança por ter formado uma personalidade dupla, mas tal ideia não foi confirmada.

Em certo ponto ele conheceu sua mãe e subsequentemente a enterrou embaixo de sua casa.

Em cerca de 1984 a 1985 (quando ele tinha aproximadamente 17~19 anos), Diavolo conheceu Donatella Una, que estava viajando pela Sardenha quando eles se conheceram. Donatella se apaixonou por Diavolo, que estava sob o nome de "Solido Naso", e eles interagiram o suficiente para eles dormirem juntos e terem uma filha chamada Trish Una, de quem Diavolo nunca esteve ciente. Em certo ponto, Diavolo e Donatella foram a Costa Smeralda e Diavolo tirou uma foto de Donatella perto de uma estela. Durante esse período, Diavolo contou várias mentiras sobre ele mesmo, todas as quais Donatella acreditou, e quando eles se separaram, Diavolo jurou voltar mas a promessa não foi cumprida.

O incêndio que apagou todos os rastros de Diavolo

Em 1986, quando Diavolo tinha 19 anos, o padre (que a esse ponto havia completamente adotado Diavolo como seu filho) viu Diavolo andando na praia com uma namorada (é desconhecido se era Donatella ou outra pessoa). Acreditando que era a hora de Diavolo ganhar um carro, o padre começou a construir uma garagem, apenas para encontrar uma jovem mulher, a mãe de Diavolo, enterrada viva na terra com sua boca costurada. Naquela noite, um incêndio ocorreu e arrasou a vila, matando o padre e outras cinco pessoas. Diavolo também foi listado como uma perca.

Fundando a Passione

Encontrando as Flechas

Na verdade, Diavolo havia ido ao Egito para se juntar a uma equipe de excavação. Durante essa jornada, ele encontrou seis pontas de flechas por sorte; Ele as roubou, fugiu, e logo encontrou Enya Geil, que contou a Diaovolo sobre sua utilidade. Ele então vendeu as cinco das seis flechas a Enya por uma grande soma de dinheiro e muito provavelmente voltou a Itália para criar a Passione, uma gangue que mais tarde se tornaria a força dominante da Itália. A flecha que ele pegou provavelmente criou seu próprio Stand, King Crimson, assim como o Mr.President, que depois foi dada a Polpo e seu Stand, Black Sabbath, para formar o teste de iniciação da Passione.

Estabelecendo sua gangue e base de poderio

Quando ele havia formado a Passione, ele rapidamente enviou seu número crescente de subordinados para encontrar e apagar as outras famílias mafiosas da Itália. Durante o tempo inteiro que ele governou a Passione, ninguém nunca o encontrou em pessoa ou viu seu rosto devido a sua obsessão por sua identidade. Em certo ponto durante os eventos anteriores, Vinegar Doppio "se tornou" membro da Passione; isto é, Diavolo começou a usá-lo para executar suas missões em privacidade e sair em público sem que alguém o visse em pessoa. É desconhecido quando Diavolo completamente formou a Passione, ou quando Doppio se juntou a gangue e esteve trabalhando sob Diavolo - entretanto, assumindo que Diavolo havia o tratado bem, foi um período de tempo longo o suficiente para Doppio se tornar ferozmente leal e completamente acreditar que ele era o subordinado de maior confiança do Chefe. Diavolo também fez a Passione livrar as ruas das drogas e fazer várias atividades caridosas (enquanto secretamente vendendo drogas), o que deu a impressão exterior de que a Passione operava sob um sistema justo e virtuoso. Isso permitiu que Diavolo atraísse vários idealistas como Bruno Bucciarati e os fizesse se juntar a Passione.

Confrontando Polnareff

Nos anos 1990, Polnareff e Jotaro Kujo sairam para encontrar as Flechas restantes que Diavolo havia desenterrado. Polnareff havia notado que na Itália, as taxas de morte e crime haviam subido ao ponto delas estarem 20 vezes maiores do que a média. Como tal, ele saiu para investigar a Passione e Diavolo, eventualmente levando os dois se encontrarem cara a cara. Em retaliação por ter quase lhe descoberto, Diavolo arrancou o olho direio e braço de Polnareff e o jogou de uma vala - quebrando as pernas de Polnareff no processo - e declarou-lhe morto. No entanto, Polnareff sobreviveu e encontrou, como ele suspeitava, outra flecha.

Fazendo a Equipe de Assassinos de exemplo

Em 1994, Risotto Nero se juntou a Passione e Diavolo o instalou como líder da La Squadra Esecuzioni, uma equipe de assassinato da Passione, dando a sua equipe vários outros homens incluindo Sorbet e Gelato. No entanto, Diavolo nunca lhes garantiu território algum, algo que todas as outras unidades tinham, e depois de cinco anos o grupo enviou um pedido por território e um aumento. Quando Diavolo rejeitou a oferta, La Squadra retaliou ao tentar descobrir quem o Chefe era para que eles pudessem extorquir essas coisas. Infelizmente, Diavolo percebeu e ordenou a morte dos rebeldes, com Sorbet sendo cortado em pedaços enquanto vivo e Gelato cometendo suicídio. O corpo de Gelato foi deixado no apartamento dos assassinos, enquanto Sorbet foi enviado de volta para a base da La Squadra em trinta-e-seis pedaços individuais preservados por formol congelado e enmoldurados. Desesperados e intimidados pelo gesto do Chefe, por enquanto, a La Squadra havia abandonado a ideia de rebelião.

Em Janeiro de 2001, Donatella morreu devido a uma doença e Trish começou sua jornada por seu pai. Devido a suas conexões pela Itália, Diavolo descobriu isso e enviou Pericolo para encontrá-la antes que a La Squadra pudesse.

Vento Aureo (2001)

Por causa de seu plano e comércio de drogas ainda afetar pessoas, particularmente crianças, Giorno Giovanna fica atraído pelos eventos a cerca da Passione. A morte de Luca levou Diavolo a enviar Bucciarati para matar o responsável, o que resultou na aliança do gângster com Giorno. Giorno passou no teste de iniciação, matou Polpo, e se tornou um membro da Equipe Bucciarati. Depois da derrota de Mario Zucchero e Sale, Pericolo se encontrou com eles, elevou Bucciarati ao cargo de Polpo, o de capo, e deu a eles Trish Una assim como a missão de Diavolo de trazê-la até ele, que originalmente seria de Polpo. Esse plano foi feito tanto para executar a La Squadra no caminho e pessoalmente matar Trish Una devido a ela ser uma parente consanguínea que então partiha de sua genética, logo dando aos seus inimigos uma pista sobre sua identidade.

Lidando com Trish

Depois da batalha entre Narancia Ghirga e Formaggio resultar em ruas em ruínas, a o esconderijo da Equipe Bucciarati ali próximo é garantido ser descoberto e então Diavolo rapidamente dá novas ordens a Bruno Bucciarati, pedindo que eles tragam Trish a Veneza.

Supervisando a entrega de Trish a ele

Durante esse tempo, Diavolo se certificou de ter itens específicos postos em lugares também específicos para serem encontrados e usados pela Equipe Bucciarati; eles incluem a chave usada para ativar o Mr.President perto do mosaíco da "Caverna de Canem" na Pompeia, Coco Jumbo na estação de trem em Nápoles, e um disco localizado na Veneza que por final diria sua localização onde ele esperava se livrar de Trish.[1] A Equipe Bucciarati logo conseguiu coletar todos esses enquanto executando os membros da Squadra que tentavam capturar Trish, levando ao próprio Bucciarati ir com Trish para se encontrar com o Chefe; Porém, a esse ponto, Bucciarati havia se tornado parte do plano de Giorno de matar o Chefe, algo do qual Diavolo não estava ciente. A Equipe Bucciarati finalmente chega a ilha de San Giorgio Maggiore. Durante a subida do elevador ao campanário onde Diavolo havia instruído a equipe para deixar Trish, ele sequestrou Trish e desceu do poço do elevador até o porão. Bucciarati ficou tão revoltado com a intenção do Chefe de matar sua própria filha que ele se rebelou e perseguiu Diavolo, plantando uma escuta nele ao deixá-la cair do elevador enquanto Diavolo saia.

Diavolo lida com o traidor, Bucciarati

Diavolo foi por uma rota secreta até a cripta onde Bucciarati estava esperando emboscá-lo mas graças a sua precognição, ele viu o ataque de Bucciarati. A cripta escura permitiu que Diavolo agisse sem que seu rosto fosse revelado. Ele tentou avisar Bucciarati para ficar para trás e quando Bucciarati atacou de qualquer jeito, decidiu agir. Diavolo interrogou Bucciarati sobre suas razões mas Bucciarati não respondeu e continuou atacando. Como um "presente de partida", Diavolo mostrou a Bucciarati o poder do King Crimson de apagar o tempo e se justaposiciona para atravessar seu punho pelo estômago de Bucciarati. Surpreendentemente, Bucciaratiu seguiu lutando apesar de seu ferimento e o King Crimson cortou parte de seu ombro. Bucciarati é eliminado e Diavolo está livre para examinar sua filha e de fato sente uma conexão entre eles. Ele ataca Trish mas a escuta em seu casaco se transforma em um clone do Coco Jumbo graças ao poder do novato Giorno Giovanna, o sugando para dentro antes que Bucciarati abra um zíper e faça o clone cair em um cano. Entretanto, Diavolo também previu isso e sai da tartaruga, bloqueando o caminho da saída de Bucciarati pelas escadas. Diavolo avança para atacar mas é quase pego de surpreso quando o braço do Sticky Fingers lhe ataca por trás. O King Crimson apaga o tempo novamente e evita oa taque. No entanto, Bucciarati revela que ele meramente mirou no pilar, criandou m zíper para que ele subisse ao teto com Trish. Diavolo tenta segui-los, mas o novato chama a equipe inteira para a igreja. Com tantas testemunhas em potencial, Divolo decide deixar a equipe fugir por agora e chama sua equipe de elite para matá-los assim como sua filha.

Voltando para a Sardenha

Em um quarto de hotel, Diavolo examina todos os arquivos relacionados ao caso de Trish. Ele encontra uma foto da sala de estar de Una e nota as fotos velhas de Donatella que ele havia pessoalmente tirado na Costa Smeralda. Embora ele houvesse ouvido falar sobre o acidente de avião que o Notorious B.I.G causou, ele ainda sente que Trish está viva e conclui que os traidores irão usar o Moody Blues neste lugar e Leone Abbacchio acabará revelando o rosto de Diavolo. Diavolo então decide pessoalmente lidar com esse problema. Quando uma camareira entra em seu quarto sem bater, ele apaga o tempo e leva todos os rastros de sua presença consigo.

Diavolo mata um vidente enxerido

Para a ocasião, ele deixa seu alter-ego Vinegar Doppio assumir o controle. No caminho, Doppio é questionado por um vidente que revela que ele está procurando por sua filha. Diavolo se revela temporariamente e mata o vidente, mas não antes de descobrir através dele que um encontro com Risotto Nero está iminente. No caminho à casa de Donatella, o motorista do táxi que Doppio pegou tenta fazê-lo pagar mais, acreditando que o envolpe contendo uma foto de Donatella esteja cheio de dinheiro. Doppio quase arranca o olho do motorista fora, mas Diavolo lhe infroma que o taxista não viu os conteúdos do envelope, não tendo motivo para eliminá-lo, mas notando que eles estavam sendo observados. Risotto estava planejando em interceptar a Equipe Bucciarati para tentar capturar Trish uma última vez. Incialmente, Risotto apenas presume que Doppio seja um turista, mas ao vê-lo reagir aos sons e presença do Aerosmith, percebe que Doppio é um usuário de Stand e o ataca.

A última tentativa de Risotto de matar Diavolo

A batalha com Risotto é longa e ele quase consegue matar Doppio várias vezes, falhando por causa das intervenções de Diavolo. Ele dá o Epitaph a Doppio e durante a luta o encoraja a se aproximar para que o King Crimson possa derrotar Risotto em um único golpe, e ordena que ele fuja quando Doppio está em risco de ser ferido. Entretanto a luta está a favor de Risotto, com o poder do Metallica e a falta de experiência de batalha de Doppio dando grandes vantagens ao traidor. Diavolo joga facas criadas pelo Metallica na direção da Equipe Bucciarati. Isso faz com que o Aerosmith surja e atire em Risotto, o deixando morto e derrotado. Enquanto Diavolo assume controle de Doppio, ele fica acima do assassino traidor, lhe oferecendo uma morte rápida com sua dignidade intacta em troca da restauração do ferro de seu sangue que ele perdeu durante a batalha. Porém, Risotto manipula o Aerosmith em uma tentativa de metralhar Diavolo. Por sua vez, ele usa o King Crimson para apagar o tempo para que as balas passem por Diavolo e acertem Risotto, matando o assassino. Diavolo fica desapontado que Risotto morreu não apenas com sua honra intacta, mas sem a necessidade da ajuda de seu antigo Chefe. Deixado extremamente cansado e fraco, Diavolo recupera um pouco do ferro perdido ao devorar sapos ali próximos. Quando seguido por Bucciarati e seus homens, Diavolo ataca uma criança jogando futebol, rouba seu uniforme, e bebe seu sangue para recuperar mais de seu ferro perdido. Isso dá a ele a chance de matar Abbacchio enquanto usando Doppio de disfarce para remover a chance do grupo de Bucciarati de revelar seu rosto. Sem seu conhecimento, o Moody Blues já havia encontrado o rosto de Diavolo e a equipe conseguiu procurar por ela, chamando a atenção de outro aliado que propôs que eles se encontrassem no Coliseu para achar um jeito de derrotar Diavolo.

Indo a Roma

Viajando para Roma

Diavolo eventualmente vê a Equipe Bucciarati deixar Sardenha com um olhar inesperadamente determinado em seus rostos. Logo, Diavolo pede para Doppio checar a estela onde ele suspeita que os traidores tenham recebido um motivo para ir para a algum lugar por um motivo importante; ele ordena que Doppio viaje de avião, assim como pedir pela assistência de Cioccolata e Secco, apesar de expressar nojo pelos dois por suas ações passadas. No entanto, quando Doppio chega a Roma, ele é usado de refém por Secco e está logo ajudando um novamente quase-morto Bucciarati. Diavolo usa a semelhança de sua alma com a de Trish para enganar Bucciarati a ajudá-lo para descobrir quem esteve ajudando os traidores. Ele então consegue passar pelo resto da Equipe Bucciarati despercebido e trazê-lo ao Coliseu.

Quando eles chegam lá, Diavolo nota a pessoa lhes observando, e ordena que Doppio continue alerta. O indivíduo desconhecido fala e pergunta a Bucciarati a respeito da identidade da pessoa que está com ele. Diavolo dá uma olhada melhor no indivíduo e nota a Flecha geradora de Stand, o chocando e lhe trazendo apenas uma pessoa a mente: Polnareff. Embora Bucciarati responda a Polnareff que é Trish e Doppio o convença de que ele é uma garota, ele exige ver seu Stand. É nesse instante que Doppio desaparece.

Diavolo é finalmente revelado

Doppio reaparece nas escadas levando a Polnareff. Diavolo lentamente aparece e começa a falar sobre como todos devem derrotar os erros de seu passado enquanto ele começa a tirar o suéter de Doppio e passa por um pilar. Quando ele surge do pilar, Diavolo revelou-se a Polnareff completamente, sabendo que ele não pode se manter completamente escondido no confronto a seguir. Embora ele seja apenas pouco surpreendido ao ver Polnareff vivo após seu encontro, ele de qualquer jeito se prepara para atacá-lo novamente e se certificar de que ele está morto. Antes de Diavolo começar seu ataque, ele questiona Polnareff sobre o porquê dele ter uma Flecha quando já havia uma na Itália e todos seus aliados já eram usuários de Stand. Quando Polnareff se recusa a responder, Diavolo vai em sua direção. Antes que o King Crimson possa apagar o tempo, Polnareff morde seu próprio dedo e o segura sobre sua outra mão. Diavolo então nota isso e se posiciona atrás de Polnareff. Ele é então atacado e tem seu braço cortado pelo Silver Chariot de Polnareff quando o tempo é restaurado. Diavolo instantaneamente entende que as gotas de sangue do dedo de Polnareff permitiram que ele soubesse quando o tempo foi apagado. Antes que Polnareff possa fugir, Diavolo apaga o tempo novamente, e joga o sangue de seu braço na direção dos olhos de Polnareff para se certificar de que ele não conseguirá ver quando o tempo é apagado. Porém, enquanto Diavolo se prepara para dar o golpe final com o King Crimson no isntante em que o tempo volta, ele nota que o Silver Chariot foi perfurado no rosto com a Flecha, e por pouco erra seu golpe.

Diavolo encara Polnareff

Ao vê-lo passar do alcance limite de dois metros do Stand de curto-alcance médio, ele decide mortalmente ferir Polnareff ao atravessar seu punho pleo seu peito para evitar que ele faça algo. Se certificando de que seu inimigo está morto ao checar seu pulso, Diavolo se pergunta se a Flecha possui outra habilidade além de dar Stands a pessoas normais, e então a toma para si mesmo. Ele agradece Polnareff por trazer outra Flecha a ele antes de sair. No entanto, é então que Diavolo nota uma pessoa misteriosa coberta por preto andando para longe dele. Embora ele furiosamente exija saber a identidade da entidade e a comande para encará-lo, ele repentinamente deixa a Flecha cair enquanto suas pernas ficam mancas. Diavolo adormece antes que ele possa compreender a situação.

Perseguindo a Flecha

O Chariot Requiem é o último recurso de Polnareff para tirar a Flecha das mãos de Diavolo, e deixa todos em Roma inconscientes enquanto trocando suas almas. Ao despertar, a Equipe Bucciarati em seus corpos trocados entende as mecânicas da troca de almas e suas novas identidades temporárias. Chegando a conclusão de que a alma de Diavolo seria a de Bucciarati devido ao contrário ter ocorrido, Guido Mista, no corpo de Trish, imediatamente dispara várias balas no corpo indefeso enquanto ele tenta se levantar. Porém, a alma de Diavolo está com Trish no corpo de Mista; Após eles terem disparado no corpo de Bucciarati, agora o de Doppio, ele quebra uma grade próxima e emapla Narancia Ghirga (no corpo de Giorno) nela, o matando instantaneamente. Com Giorno de volta ao normal, o grupo percebe que eles estavam errados e devem recuperar a Flecha do Chariot antes de Diavolo, levando cm eles Polnareff no corpo de Coco Jumbo. Diavolo, tendo virado uma alma separada, começa a sabotar as tentativas do grupo de derrotar o Chariot Requiem.

Com os primeiros sinais da habilidade verdadeira do Requiem de transformar pessoas e animais em "outra coisa", Diavolo se torna o primeiro a descobrir sua fraqueza. No entanto, Giorno para o grupo quando ele mesmo percebe que Diavolo estava lhes sabotando. Giorno pede para que todos fiquem pelo menos cinco metros de distância um do outro já que Diavolo, que se separou de Doppio durante a troca de almas, está agora possuindo um deles. É então que Diavolo percebe que Giorno Giovanna era seu maior obstáculo devido a sua perspicácia.

Diavolo como uma alma vagante

O jovem tenta revelar o Chefe ao tocar seus aliados, sentindo se há duas almas em seus copos. Diavolo, que está no corpo de Mista com Trish, corta o braço de Giorno e o golpeia na cabeça quando ele se aproxima de Bucciarati para que ele não seja encurralado. Ele também consegue agarrar o Stand de Trish, Spice Girl, e tomar controle completo do corpo de Mista. Ao perceber que ele consegue mexer as várias partes de Mista, Diavolo faz com que ele corra ao Requiem e à Flecha, usando a habilidade do King Crimson para estar um passo na frente. Diavolo prevê o futuro e apaga o tempo para evitar as balas de Mista, tendo evitado vários ataques pelo tempo que ele chega ao Requiem. Antes de ter se revelado, ele notou que a alma do Requiem está sempre oposta a onde ele está. Com essa inforamção, o King Crimson lança um soco cego atrás de sua própria cabeça, e acerta um orbe de luz que estava atrás dele o tempo inteiro e estava produzindo a sombra. Isso destrói o Chariot e liberta a Flecha, que Diavolo pega para si mesmo. Em êxtase que a Flecha está em suas mãos novamente, ele se prepara para perfurar o King Crimson com ela. No entanto, Giorno transforma o sangue que foi jorrado em Diavolo quando ele cortou seu braço em um enxame de formigas que mordem e quebrar a Flecha. Diavolo tenta pegar a Flecha caída após ter evitado mais das balas de Mista, mas as mesmas balas evitadas então passam por sua mão e jogam a Flecha para longe.

Se livrando de sua odiada filha

Confundido, ele percebe que Trish esteve lutando de volta, e que o Spice Girl usou sua habilidade para amaciar as balas. Diavolo retalia ao desejar que sua filha nunca tivesse nascido, antes de furiosamente atravessar seu punho pelo estômago de sua alma. Ele então usa a força do soco para lançar o corpo de Mista voando na direção da Flecha que havia lhe escapado. Ao tê-la novamente, Diavolo tenta perfurar o King Crimson sem hesitação, apenas para a Flecha passar pela mão de seu Stand; Bucciarati sacrificou sua vida ao finalmente destruir os restantes do Chariot Requiem, salvando a vida de Trish ao desfazer sua habilidade e levar a alma de Diavolo e King Crimson para longe da Flecha.

Despertando, Diavolo tenta fugir, mas ouve Trish dizer a Giorno que seu pai está "fugindo". Em uma tentativa de proteger seu orgulho, ele ataca Giorno após se encontrar cara a cara com ele novamente e ver que a Flecha havia caído nas mãos do rapaz. Usando o Epitaph, ele prevê a rejeição da Flecha por Giorno, e então mortalmente ferindo o Gold Experience enquanto o Stand é perfurado.

Diavolo percebe que ele não pode afetar o Gold Experience Requiem

No entanto, Giorno havia evoluído seu Stand para o Gold Experience Requiem com sucesso apesar das previsões do Epitaph. Inicialmente, Diavolo acredita que a nova forma seja uma simples melhoria, e então prevê a morte de Giorno. Giorno provoca e menospreza Diavolo e sua filosofia, dizendo que enquanto as ações virtuosas de seus aliados nunca possam ser "apagadas", o Chefe e suas ações egoístas não poderão ser o mesmo caso. Ele tenta apagar o tempo enquanto o Gold Experience Requiem lança uma série de socos, Mista dispara várias balas, e vespas voam por ali. Se colocando perto de Giorno, Diavolo lança sangue na frente de seu rosto com ele fez com Polnareff, e então dá um golpe fatal em seu coração. No entanto, antes que o golpe possa acertar, ele é interrompido pela visão das vespas voando para trás e as balas de Mista voltando para as armas que a dispararam. Quando el eestava prestes a continuar seu ataque, Diavolo é chocado pelo Requiem falando com ele no tempo apagado, afirmando que enquanto o Epitaph lhe permite ver os próximos momentos da realidade, o próprio Diavolo nunca chegará a ela; o Gold Experience Requiem revela seu poder verdadeiro ao retornar a aparentemente invencível habilidade do King Crimson "ao zero" e a nulificar, completamente desfazendo o apagamento de tempo. Diavolo, forçado a se assistir repetir as mesmas palavras, é deixado em um estado de completa descrença enquanto Giorno e seu Stand destroem o Epitaph em um único soco sem problemas. Dsesperado para pôr um fim no garoto que lhe causou tantos problemas, ele ataca Giorno novamente, e o Gold Experience Requiem acaba o espancando, aniquilando o King Crimson no processo e o lançando voando para um rio próximo.

Momentos Finais

Diavolo nunca consegue encontrar um fim para sua vida

Devido a habilidade do Gold Experience Requiem, Diavolo é preso em um loop de mortes infinitas; Ele continua a morrer de novo e de novo eternamente devido a morrer e subsequentemente voltar ao ponto de zero (antes de sua morte), começando com um afogamento em um rio próximo, seguido por ser esfaqueado até a morte, sendo autopsiado vivo, e ser acertado por um carro. Em pânico com a antecipação de onde a próxima fonte de seu tormento inacabável virá, sua última aparição é suplicando que uma criança inofensiva fique longe dele.

Batalhas Principais

Purple Haze Feedback

A informação abaixo é derivada de uma fonte que não foi escrita pelo Araki. Como tal, ela pode ou não ser considerada cânon.

Na light novel Purple Haze Feedback, dentro de seis meses após a morte de Diavolo, Giorno já havia consguido eganar a Passione a acreditar que ele era o Chefe desde o começo. Além dos membros da Sezione Droghe, liderados por Vladimir Kocaqi, é desconhecido quantos membros da Passione realmente acreditaram nisso. Giorno também obteve a ajuda da Fundação Speedwagon através de Polnareff, dando a Passione ainda mais poder do que Diavolo tinha. Diavolo, durante tudo isso e muito tempo depoios, ainda estava em seus loops de morte.

JORGE JOESTAR

A informação abaixo é derivada de uma fonte que não foi escrita pelo Araki. Como tal, ela pode ou não ser considerada cânon.
Diavolo e o King Crimson

Na light novel JORGE JOESTAR, uma encarnação de Diavolo vive em um universo desconhecido. Como sua contraparte original, ele porta o King Crimson. No entanto, em vez de Vinegar Doppio, sua personalidade alternativa é Giorno Giovanna. Com o Gold Experience Requiem de Giorno, ele cancela sua própria morte e acaba no 37° universo, onde ele toma controle da Passione.

Passado

O quartel-general da Passione de Diavolo no 37° universo é localizado na Ilha Nero Nero. O grupo tem cerca de trezentos membros com vários usuários de Stand, e nenhum encontrou seu chefe, porém sabem que seu nome é Diavolo.[2] Diavolo havia matado mais de cem pessoas, incluindo vítimas de sindicatos do crime inimigos, civis, políticos, policiais, e seus próprios homens.[3]

2012

O cadáver de Diavolo

Bruno Bucciarati revela que eles encontraram os cadáveres de Diavolo e Yoshikage Kira na Arrow Cross House, onde eles de algum jeito estiveram ali por pelo menos doze horas, apesar de Jorge Joestar e Rohan Kishibe terem passado por aquele quarto o dia inteiro. Ele compartilha imagens do Stand Videodrome de Leone Abbacchio, das mortes repentinas de Diavolo e Kira com suas gargantas sendo cortadas. O Videodrome grava tudo que aconteceu a alguém por 24 horas após a meia-noite e corta no momento de suas mortes, significando qeu não há registros de Diavolo e Kira da meia noite até as 8 da manhã. Eles apenas repentinamente apareceram na Arrow Cross House às 8 da manhã, onde les foram mortos em aproximadamente um segundo, e ninguém notou seus corpos.[3]

O George Joestar do universo original eventualmente investiga e conduz uma autopsia no cadáver de Diavolo com a ajuda do NYPD Blue e Abbacchio. Ele deduz o que aconteceu. Enrico Pucci atraiu Kira e Diavolo ao Arrow Cross House após fazer os dois lutarem. Enquanto o tempo era reciclado, Pucci acelerou o tempo e o comprimiu até que nenhum deles pudesse se mexer, e então cortou suas gargantas. Giorno tenta esconder sua surpresa, fazendo George ficar com suspeitas. Enquanto isso, o NYPD Blue e Abbacchio notam que as páginas de Diavolo do Heaven's Door não estavam em ordem; seu corpo tinha apenas páginas ímpares, significando que Diavolo tinha uma personalidade alternativa e que outra pessoa tinha as páginas pares.[4]

Socando George

Após Giorno ser revelado estar mentindo, ele revela que sua alma estava habitando a carne vazia de Antonio Torres como disfarce. Ele cura o cadáver de Diavolo, que é seu corpo original, e manda sua alma para lá.[5] Fugo ataca Diavolo junto de Mista e Abbacchio mas seus ataques não fazem nada. George então tenta socar Diavolo mas o King Crimson atravessa seu punho pelo seu estômago. Ele menciona intencionalmente evitar o coração de George para que ele pudesse levá-lo para ver o Imperador Secreto. Os gângsteres o grupo japonês tentam proteger George mas eles são todos facilmente derrotados. Reimi chora enquanto Diavol pula para a Cube House com George.

Cube House

Diavolo com o caixão de Dio
Dio bebendo seu sangue

George acorda, se encontrando no convés de um navio perto de um grande caixão preto. Diavolo grita para que o homem do caixão acorde, e George o reconhece como sendo Dio Brando. Eles viajaram no tempo até o primeiro universo, cem anos após Dio ter sido afundado no caixão. Com fome, Dio decide beber um pouco do sangue de Diavolo primeiro. Já que o corpo de Diavolo pertence ao corpo do filho de Dio, seu sangue é adequado. Diavolo tenta usar o King Crimson mas o The World de Dio para o tempo antes que ele possa. Dio então revela o Stand que ele havia roubado do corpo de Jonathan Joestar, uma coroa de espinhos que pode ver o futuro de seus parentes. Dio chuta Diavolo e pisoteia sua cabeça, afirmando que eles ainda tem um trabaho a ser feito. George testemunha Dio e Diavolo sumirem, percebendo que eles viajaram no tempo enquanto efeito do Cube House ainda estava persistindo em Diavolo.

Dio eventualmente mata Giorno e por extensão, Diavolo, ao enfiar uma katana em seu coração.[4]

Rerências

  1. Chapter 510: White Album, Part 2
  2. JORGE JOESTAR Chapter 8: Nero Nero Island
  3. 3.0 3.1 JORGE JOESTAR Chapter 14: Desolation Row
  4. 4.0 4.1 JORGE JOESTAR Chapter 15: Beyond
  5. JORGE JOESTAR Chapter 16: Beyond II

Navegação do Site

Other languages: